O rover Perseverance da NASA finalmente coletou um pedaço de Marte
Natureza e espaço

O rover Perseverance da NASA finalmente coletou um pedaço de Marte

Após uma tentativa fracassada, o rover obteve amostras de rocha e solo que podem revelar os segredos da vida antiga em Marte.

O rover Perseverance da NASA coletou com sucesso um punhado de rocha e solo de Marte, o que marca a primeira vez que uma amostra foi colhida no planeta.

O que aconteceu: o rover perfurou uma pedra chamada Rochette perto da cratera de Jezero, cortando com sucesso um núcleo de rocha do tamanho de um dedo e colocando-o em um tubo de titânio. A equipe do Perseverance passará algum tempo escaneando o conteúdo do recipiente e verificando se a amostra está realmente ali dentro, e então o rover irá guardá-la em segurança. Adam Steltzner, o engenheiro-chefe da missão, confirmou em um tweet que a amostra havia sido adquirida.

É uma mudança de sorte depois do que aconteceu no início de agosto, quando o Perseverance fez sua primeira tentativa de obter uma amostra, mas os cientistas descobriram que não havia nada no tubo de coleta. O mecanismo de extração, infelizmente, transformou a rocha frágil em um pó, que caiu de volta no chão perto do orifício de perfuração. Rochette foi escolhida em parte porque essa rocha foi considerada mais dura e com maior probabilidade de permanecer no tubo.

Por que é importante: Coletar amostras é um dos principais objetivos da missão. O Perseverance está equipado com 43 tubos de coleta, e a NASA espera enchê-los com amostras de rochas e solo de Marte para um dia trazê-los de volta à Terra. Acredita-se que a cratera de Jezero, com 45 quilômetros de extensão, seja o local de um antigo delta de um rio. Se Marte já foi habitável durante sua “era úmida”, bilhões de anos atrás, este é um dos melhores locais para a vida fossilizada encontrar um lar. Embora o Perseverance tenha instrumentos que nos dirão muito sobre o que existe em Jezero, a melhor opção para procurar bioassinaturas e vestígios de vida microbiana é em um laboratório na Terra.

[Foto: Essa é uma amostra extremamente perfeita, se é que posso dizer isso! Tenha paciência, pequena amostra, sua jornada está para começar. # SamplingMars]
[Foto: Sol 190: Mastcam Esquerda -Z Camera, obtida às 12: 39: 23.384 (hora solar média local), crédito da imagem: NASA / JPL-Caltech / ASU ]
https://twitter.com/steltzner/status/1433452291277791238

O que vem a seguir: a entrega real das amostras de Marte à Terra ainda está sendo planejada como uma missão conjunta entre a NASA e a Agência Espacial Europeia. O objetivo é enviar um rover “de busca” a Marte até 2029, o que significaria que as amostras chegariam à Terra em 2031.

Enquanto isso, esta é apenas a primeira de muitas coleções de amostra do Perseverance. O rover continuará sua jornada ao redor de Jezero e sem dúvida está sendo ofuscado por seu companheiro aéreo Ingenuity, um pequeno helicóptero que até agora fez 12 voos em Marte. Originalmente uma demonstração de tecnologia, o Ingenuity revelou-se tão robusto que a NASA o transformou em uma plataforma para pesquisar Marte como parte da missão.

Nossos tópicos