O GPT-3 e porque não estamos mais próximos da singularidade
Podcast

O GPT-3 e porque não estamos mais próximos da singularidade

O novo modelo de linguagem desenvolvido pela OpenIA, o GPT-3, causou uma grande impressão na internet recentemente, aonde mostra seu potencial na criação de textos “artificiais”. Após a empresa liberar um beta fechado de seu programa para alguns indivíduos, vimos surgir diversos textos criados totalmente por tal, sem qualquer influência externa. Apenas como a definição de um tema e uma palavra inicial, o programa foi capaz de gerar pequenas histórias, letras de música, pré releases e muito mais.

Não só isso, o GPT-3 se mostrou capaz de gerar qualquer tipo de texto, incluindo tablaturas de guitarra, e o que tem causado a maior comoção no público, códigos de computador. Esse novo feito da IA traz muita especulação sobre o futuro, mas dizer que nos traz mais perto de uma inteligência verdadeira pode ser exagerado.

No episódio dessa semana, André Miceli, Carlos Aros e Rafael Coimbra conversam com Diogo Cortiz, professor na área de inteligência artificial e ciência cognitiva, para entender os verdadeiros impactos dessa nova ferramenta da OpenIA e porque não estamos realmente mais perto de uma singularidade.

O podcast da MIT Technology Review Brasil é uma conversa semanal sobre os principais temas relacionados a tecnologia, inovação e negócios.

Nossos tópicos